Integração com a graduação

A integração do PPGPSI com a graduação tem se efetuado de forma estreita e contínua e pode ser visualizada nos vínculos de seus docentes com as atividades de ensino, pesquisa e extensão, voltadas ao Curso de Psicologia da UFES.

A integração com a graduação tem enriquecido e qualificado a formação dos graduandos em Psicologia, como também permitido uma forte interlocução entre a graduação e a pós-graduação. Os docentes permanentes do PPGPSI ministram disciplinas obrigatórias e optativas no Curso de Graduação de Psicologia, como também supervisionam estágios curriculares obrigatórios voltados a trabalhos de intervenção em instituições públicas nos campos da saúde, educação e assistência social. Além disso, muitos docentes do Programa contam com bolsistas de Iniciação Científica atuando em suas equipes de pesquisa, como se pode ver na descrição dos projetos de pesquisa.

Em contrapartida, o Departamento de Psicologia vem contribuindo com o PPGPSI no que se refere à liberação de encargos docentes para o desenvolvimento das atividades dos professores neste Programa. O Departamento de Psicologia tem colaborado ainda na ampliação do quadro de docentes do Programa, realizando concursos públicos que estejam em consonância com as necessidades da graduação e com as demandas do PPGPSI. Tal processo permitiu a inserção de novos professores no PPGPSI no ano de 2011 (Prof.ª Dr.ª Ana Paula Louzada e o Prof. Dr. Rafael Gomes).

Todos os docentes do quadro permanente do Programa ministraram disciplinas na pós-graduação ao longo do ano de 2012, bem como deram continuidade e/ou iniciaram projetos de pesquisa e extensão, que envolvem discentes da graduação e da pós-graduação.

O processo de integração com a graduação tem sido assegurado por meio das seguintes ações:

A) Acompanhamento de atividades de orientação de iniciação científica, junto aos participantes dos programas PIBIC, PIVIC e bolsa balcão CNPq, e coordenação de projetos de extensão.
B) Promoção de ações em parceria com o PET/Psicologia abordando temáticas relacionadas à Psicologia Institucional, tais como rodas de conversa entre mestrandos do PPGPSI e estudantes da graduação em Psicologia; debates acerca das pesquisas efetivadas pelos estudantes de graduação vinculados ao PET; e grupos de estudo coordenados pelos professores do programa. Junto destas atividades, os bolsistas do PET vêm participando de pesquisas coordenadas por professores do programa.
C) Organização de eventos, que envolve alunos da graduação e pós-graduação.
D) Realização de Seminários de Pesquisa ministrados por professores convidados de outras IFES do país e do exterior, que são abertos à participação de alunos da graduação e que, desde o início do Programa, tem contato com um número cada vez mais expressivo de graduandos.
E) Número expressivo de ex-alunos da graduação em Psicologia que ingressaram no Programa. Muitos alunos que desenvolviam pesquisa e extensão com professores do Programa, ao longo da graduação, continuaram seu percurso acadêmico no PPGPSI. Assim, neste triênio, dos 53 alunos do programa, 26 eram egressos da graduação em Psicologia da UFES.

Estágio de docência:

A disciplina Estágio em Docência, de caráter obrigatório, tem se constituído como uma ação de integração entre graduação e pós-graduação, uma vez que se consolida por meio de acompanhamento de aulas para a graduação, coorientação de pesquisas de iniciação científica e supervisão de atividades de extensão. Esta integração pode ser visualizada na descrição dos projetos coordenados por professores do Programa.

Observa-se que o Estágio em Docência tem estimulado os alunos de graduação a darem continuidade aos seus estudos em nível de pós-graduação. No que se refere aos mestrandos, a experiência em docência tem provocado interferências positivas nos rumos de suas pesquisas e também na continuidade de seus estudos em nível de doutorado, bem como possibilitado sua inserção como docentes em cursos de nível superior após a conclusão do mestrado.

Detalhamento da Disciplina Estágio em Docência:

Objetivo:

Capacitar o discente para o exercício da docência (ensino, pesquisa e extensão).

Competências:

Desenvolver, de modo analítico-propositivo, o exercício de atividades de ensino;
Articular o desenvolvimento de tecnologias sociais por meio de pesquisa e projetos de extensão.

Habilidades:

Apresentar ideias e desenvolvê-las em público;
Planejar, acompanhar e executar estratégias didáticas e avaliativas em disciplinas na graduação;
Planejar, participar da orientação e acompanhar atividades de Iniciação Científica, em grupos de pesquisa, através da participação efetiva junto a alunos da graduação;
Desenvolver estratégias e acompanhar a inserção social em políticas públicas, junto às atividades de extensão.

O Estágio em Docência tem sido realizado nas seguintes modalidades:

  • Acompanhamento de disciplinas para a Graduação em Psicologia ou nos demais cursos para os quais o departamento de Psicologia oferece disciplinas (Licenciaturas, Serviço Social, Odontologia, etc.), sob a responsabilidade do Professor Orientador.
  • Acompanhamento de Projetos de Pesquisa de IC – Coorientação de alunos de graduação em PIBIC ou PIVIC sob a responsabilidade do Professor Orientador.
  • Acompanhamento de Projetos de Extensão – Compartilhamento da Supervisão das atividades de extensão do Professor Orientador.

A realização do Estágio em Docência em Disciplinas da Graduação é efetuada por meio de decisão do Colegiado da Pós-Graduação em articulação com o Departamento de Psicologia, tendo como critério a conexão entre o conteúdo programático das mesmas e os estudos/pesquisas desenvolvidos pelo mestrando.

O desenvolvimento relacionado à pesquisa e à extensão se consolida nos projetos em que os mestrandos encontram-se vinculados.

No ano de 2012, 12 alunos realizaram o Estágio em Docência, sob a orientação de seus respectivos professores orientadores.

Em 2012, além das atividades previstas, houve a consolidação de uma atividade inovadora, incorporada à disciplina, com a realização do Seminário Intercessões Metodológicas, no qual os discentes apresentaram e debateram seus respectivos projetos de pesquisa para docentes internos e externos e alunos de graduação e pós-graduação. Tal atividade objetivou desenvolver a habilidade dos mestrandos de apresentar, articular ideias e desenvolvê-las em público, além de propiciar o diálogo com avaliadores externos.

O acompanhamento do processo de realização do Estágio em Docência é efetuado pela Comissão de Acompanhamento e Avaliação do Estágio em Docência que tem como atribuição: a) formular diretrizes para a realização do estágio em docência; b) avaliar os relatórios encaminhados pelo mestrando em estágio em docência e seu respectivo orientador; c) encaminhar ao colegiado do PPGPSI avaliação anual da experiência de Estágio me Docência indicando propostas de sua reformulação quando for o caso; d) obter informações junto à câmara departamental e ao colegiado dos cursos no tocante aos impactos do Estágio em Docência na formação em Graduação.

A experiência com o Estágio em Docência tem sido avaliada positivamente por parte dos mestrandos, de seus orientadores e pelos discentes de graduação.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910