Políticas públicas para a juventude: estratégias governamentais nos campo da assistência social e de educação

Resumo: Na última década, no Brasil, tem-se a constituição de uma série de iniciativas governamentais em torno da infância e juventude, seja através do estabelecimento e revisão de textos jurídicos, quanto através de seus desdobramentos em equipamentos e serviços. Pode-se afirmar que tanto na efetivação desses equipamentos quanto em suas modulações jurídicas, a ação do Estado, que objetiva o amparo de seu objeto de intervenção, ocorrendo uma torção no modo como esse objeto passa a ser descrito: daquele que sofria da falta de algo (carente), sendo substituído por algo que é passível de sofrer alguma lesão, encontrando numa situação de falta de proteção, exposto ao risco social, vunerável. Esse projeto de pesquisa visa estudar a maneira como o conceito de vulnerabilidade e risco social encontram-se vinculados aos programas governamentais, principalmente, dar visibilidade para o modo como essas políticas são implementadas no cotidiano da assistência social e da educação. Nessa etapa do projeto, foram definidas duas frentes de trabalho: na assistência social, prioriza-se aproximar do modo como a realiza-se a gestão da população, em sua interface infância/juventude, em situações conflito com a lei (tanto em regime de liberdade assistida, quanto de abrigamento); na educação, enfoca-se o cotidiano de implementação dos programas para a educação de jovens e adultos. Desse modo, esse projeto encontra-se vinculado à Linha de Pesquisa Educação, História e Cidadania, por se tratar de uma temática fundamental tanto na análise das políticas públicas, quanto nas práticas dos trabalhadores sociais envolvidos diretamente na execução dessas políticas. Metodologia: a partir dos estudos das legislações que regulamentam os serviços, serão realizados o acompanhamento de serviços para a infância e juventude, para cartografar como o conceito de vulnerabilidade encontra-se em ação e os efeitos produzidos nesses contextos

Data de início: 2012-03-03
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Ana Paula Figueiredo Louzada
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910